Greve de funcionários da Infraero atinge 63 aeroportos do país

Aeroporto internacional de São Luís também tem greve

Aeroporto de São Luís também tem greve

Funcionários da Infraero iniciaram hoje uma greve em 63 aeroportos do país, de acordo com o Sindicato Nacional dos Aeroportuários (Sina), que representa a categoria.

De acordo com a Infraero, até as 8h30 a paralisação não causava atrasos fora do normal nos voos pelo país. O movimento também alcança o Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machado, de São Luís.

A paralisação, segundo o sindicato, é para protestar contra a proposta de acordo coletivo que a Infraero fez para a categoria. Os grevistas pedem, entre outras coisas, aumento salarial de 16% e  ganho real nos benefícios como auxílio-creche, alimentação e combustível.

Em seu site oficial, a Infraero emitiu nota sobre a greve. Segue abaixo…

 

 

SOBRE O ANÚNCIO DE GREVE DOS AEROPORTUÁRIOS

30.07.13


Em relação ao indicativo de paralisação dos aeroportuários, prevista para o dia 31/7, a Infraero respeita a manifestação dos seus empregados e entidades trabalhistas.

Para manter os serviços essenciais e a operacionalidade dos aeroportos, a fim de que não haja impacto, a Infraero tem um plano de contingenciamento para ser aplicado em caso de necessidade. Esse plano inclui o remanejamento de empregados, tanto do quadro administrativo como do de escala, de forma a reforçar as equipes nos horários de maior movimento de passageiros e aeronaves, envolvendo ainda os demais agentes que atuam nos aeroportos.

      A empresa esclarece ainda que os salários dos empregados estão em dia e que ainda negocia com o sindicato para se chegar a um acordo coletivo que atenda aos interesses do corpo funcional e da Infraero. Dessa forma, não procede a informação de que há salários atrasados e redução de benefícios e qualquer afirmação nesse sentido tem o objetivo de confundir a sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *