Adepol manifesta moção de repúdio a Jefferson Portela

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Maranhão (ADEPOL) divulgou moção de repúdio ao secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela (PCdoB).

A associação também manifestou solidariedade aos delegados Gustavo Tavares Barbosa de Matos, Virgínia Loiola Beserra e Fábio Silva Cordeiro Pessoa, que segundo a entidade, sofrerem retaliações do Governo por terem exposto as péssimas condições das delegacias no interior do Maranhão.

No texto, a ADEPOL aponta que o secretário de Segurança determinou a abertura de processos administrativos contra os delegados e também a remoção de Virgínia Loiola e Fábio Cordeiro “em retaliação pelo exercício da profissão e liberdade de expressão”.

Gustavo Barbosa responde a processo disciplinar por informar ao Ministério Público em Imperatriz que o Sistema Integrado de Gestão Operacional (Sigo) estava desativado. Virgínia Loiola desabafou, em sua página no facebook, sobre a falta de condições adequadas de trabalho. Contra Fábio Cordeiro pesa o fato de ter sido despejado do imóvel em que funcionava a Delegacia de Peritoró, mesmo tendo comunicado o atraso de um ano no pagamento do imóvel à Secretaria de Segurança.

E Flávio Dino, ao se eleger governador do Maranhão, prometeu valorização do servidor público e estruturas adequadas de trabalho.

Eu hein…

Leia a íntegra do repúdio aqui

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *