Juíza aponta omissão da AMMA e pede desligamento da entidade

A juíza de Direito Anelise Reginato, da Comarca de Coroatá, que declarou a inelegibilidade do governador Flávio Dino (PCdoB) e do ex-secretário de Estado da Comunicação, Márcio Jerry (PCdoB), além de ter cassado os diplomas do prefeito e do vice de Coroatá, respectivamente Luís Filho (PT) e Domingos Alberto (PSB), formalizou pedido de desligamento da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA).

A solicitação ocorreu antes de a entidade ter emitido nota em defesa da magistrada.

A postura da juíza é uma resposta á demora da entidade em reagir aos ataques aos quais ela foi submetida, desde a última quarta-feira, por aliados do governador Flávio Dino, após a divulgação da sentença de inelegibilidade.

Acima, o pedido de desligamento da magistrada…

Uma ideia sobre “Juíza aponta omissão da AMMA e pede desligamento da entidade

  1. Vou deixar uma dica aqui: Tem um ENGENHEIRO aqui em Chapadinha que de tempos em tempos ele inventa um golpe já velho em cima de alguns prefeitos e em algumas investidas ele tem tido êxito, o engenheiro bandido com um comparsa disfarçado de policial federal vai até o prefeito e inventa um monte de picaretagem e pede 20, 30 , 40… 100 mil, esse valor eles determinam de acordo com o coeficiente do município e a demência do gestor em troca de “blindagem” “engavetamento” “exclusão da lista de prisão” que, segundo os golpistas , existe na Policia Federal para uma eventual operação NAVALHA XX. Tem prefeitos que já foram roubados por esse engenheiro picareta e não denunciam porque a forma de pagamento do suborno,da extorsão os comprometem. Temos informação que ele esta novamente em ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *