Blogueiro assassinado havia relatado ameaças de morte na quinta-feira

italoitalo2Ítalo Diniz, blogueiro que fazia a cobertura política do município de Governador Nunes Freire e região, havia relatado na quinta-feira, um dia antes de ter sido covardemente assassinado, ter sofrido ameaças de mortes.

O relato do blogueiro foi feito num grupo de bate do aplicativo WhatsApp onde jornalistas e blogueiros discutem pautas de seus municípios.

Na ocasião, Ítalo não revelou nomes, mas disse que já havia sido vítima de ameaças de “prefeitos, vereadores, capachos e seguranças”.  Ele disse já haver registrado boletins de ocorrência na delegacia local.

O blogueiro foi morto na noite de ontem na Rua do Evangelho, por dois homens que pilotavam uma motocicleta. Ítalo estava na companhia do também blogueiro Weberth Saraiva, que foi alvejado por três tiros, mas sobreviveu.

Uma testemunha afirmou ao blog de Jerivânio que o assassino ainda chegou a descer da moto para certificar de que Ítalo estava realmente morto.

O crime pode ter sido por encomenda…