Juiz edita portaria e determina inspeção em delegacia de Barra do Corda

O juiz titular da 1ª Vara de Barra do Corda, Antônio Elias Queiroga Filho, editou portaria na qual resolve proceder à inspeção extraordinária na 15ª Delegacia Regional, sediada em Barra do Corda. As atividades se iniciaram ontem (16) e seguem até 15 de novembro.

De acordo com o juiz, a conclusão dos trabalhos poderá, após despacho fundamentado, ser prorrogado pelo prazo necessário à conclusão das diligências. A delegacia de Barra do Corda está em pauta desde o falecimento do comerciante Francisco Edinei Lima Silva.

O magistrado considera, na portaria, fatores como a demora na distribuição do auto de prisão em flagrante, chegando ao juízo após o falecimento do preso, bem como ser atribuição da unidade judicial a realização de inspeção ordinária e extraordinária em presídios e cadeias da comarca, conforme resolução da Corregedoria Geral da Justiça.

“A realização da inspeção levou em consideração a excepcionalidade do caso e a necessidade de investigar os motivos pelos quais se decorreu o falecimento e as condições nas quais o preso foi submetido no interior da delegacia a ser inspecionada”, versa a portaria.

O magistrado expediu convites ao Ministério Público da comarca, à Ordem dos Advogados do Brasil, ao Delegado de Polícia de Barra do Corda, à Defensoria Pública, à Secretaria de Estado de Segurança Pública, no sentido de acompanharem todas as atividades da inspeção. O Tribunal de Justiça e a Corregedoria Geral da Justiça também receberam cópia da portaria de inspeção extraordinária. Durante o ato, não ficarão suspensos os trabalhos regulares da unidade jurisdicional e nem o atendimento ao público.

 

Ascom CGJ

Othelino destaca aniversário da cidade de Barra do Corda

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) destacou, na sessão desta quinta-feira (04), o aniversário de 182 anos da cidade de Barra do Corda, região central do Maranhão, que recebeu, na ocasião, uma série de obras de iniciativa da Prefeitura e outras em parceria com o governo do Estado. Ele participou de vários eventos importantes e marcantes, na quarta-feira (03), em companhia do prefeito Eric Costa (PCdoB) e também do secretário estadual de Articulação Política, Márcio Jerry, que, naquele ato, representava o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). A programação festiva teve início com uma missa em ação de graças às conquistas do município.

Segundo Othelino, o primeiro evento foi a entrega de uma patrulha ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais para uso nas atividades agrícolas. Na ocasião, o prefeito Eric Costa anunciou que, de imediato, vai adquirir outras três para os produtores rurais. Logo em seguida, a comitiva participou da solenidade de distribuição de mil títulos de posse definitiva de terras, um momento muito marcante.

“O que é importante, não só no aspecto da autoestima da pessoa, é saber que aquela posse, aquela propriedade finalmente é oficialmente sua. Com o título, o cidadão pode ir ao cartório e tirar o registro do imóvel, como permite tirar financiamentos bancários. Enfim, é a regularização de quem tinha apenas a posse e passa a ter a propriedade de forma, juridicamente, perfeita. Foram entregues mil títulos definitivos, e eu pude ver a emoção daquelas pessoas recebendo. Inclusive, algumas já idosas, tendo, pela primeira vez, uma propriedade oficialmente em seu nome”, comentou.

Othelino destacou ainda, no pronunciamento, a inauguração da Unidade Básica de Saúde, no bairro Tamarino, em Barra do Corda, um local que tem densidade populacional e que agora passa a ser atendido por esta estrutura com a presença de equipes médicas durante todos os dias.

Prioridades

Na parte da tarde, houve ainda outros eventos, inclusive torneios de futebol e anúncios de outras obras para Barra do Corda. “E foi bom ver a população, o prefeito entregando essas obras e anunciando outras que ainda virão. Eric Costa disse que, no que diz respeito à entrega de títulos definitivos, a medida ainda é uma prioridade nesse seu próximo mandato por reconhecer a importância disso para a população”, disse.

O deputado frisou que Barra do Corda hoje passa por um momento importante, apesar das dificuldades que são frutos da crise em que vive o país e, consequentemente, o Maranhão. Mas, segundo ele, é um município que tem uma carteira de investimentos sendo feita, grande parte pela prefeitura municipal da cidade, outra pelo governo do Estado, como por exemplo, o Centro de Especialidades Médicas que está funcionando lá, o Viva Cidadão, etc.

Estão em andamento ainda a execução da MA-012 e também a reforma e ampliação do Sistema de Abastecimento de Água na cidade, pois um dos problemas mais graves hoje e que mais incomoda a população é a falta de água. “O nosso desejo é que essa obra fique pronta o quanto antes para que diminua o sofrimento da população”, disse.

No pronunciamento, Othelino Neto destacou ainda a inauguração de poços artesianos em comunidades que estavam precisando e sofrendo com a falta de água. “Essa conjunção, essa união de forças vai melhorando a qualidade de vida da população de Barra do Corda e a nossa confiança só aumenta de que, sob o comando do prefeito Eric Costa, a cidade haverá de ter ainda muitos outros avanços”, afirmou.

Othelino citou também a questão do Campeonato Maranhense, com a mudança imposta pelo Tribunal de Justiça Desportiva, que modificou a final do segundo turno do torneio para o Cordino, que não terá mais como adversário o Sampaio e sim o Moto.

“Finalmente, faço votos de que o Cordino tenha êxito, que se saia bem neste fim de semana, em Barra do Corda, na partida de ida. E que na disputa de volta, na quarta-feira que vem, possa ser vencedor e já, antecipadamente, ser campeão estadual no ano de 2017”, disse o deputado.

Esse post foi publicado em Brasil, Cidade, Estado, Geral, Policia, Politica, Saúde, Segurança, Transporte e marcado 182 anos, Aniversário, Barra do Corda, eric costa, Flávio Dino, maranhão, Othelino Neto por Sílvia Tereza. Guardar link permanente.

Nenzim está inelegível…

nenzimO ex-prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, mais conhecido como Nenzim, está inelegível para as eleições que se realizarem nos oito anos subsequentes a 2012, isto devido a decisão tomada hoje pelo juiz Antônio Elias de Queiroga Filho, titular da 23ª zona eleitoral.

O juiz decidiu pela condenação de Nenzim após julgar parcialmente procedente Ação de Investigação Judicial Eleitoral ajuizada pela coligação “Unidos pela Liberdade”, do atual prefeito da cidade, Erick Costa.

Segundo a sentença, ficou comprovada a participação do ex-chefe do Executivo Municipal no uso indevido da máquina administrativa, com a distribuição de carradas de piçarra, areia, madeira e barro para eleitores carentes da cidade, além de outros ilícitos eleitorais.

O ex-prefeito é pai do deputado estadual Rigo Teles (PV) e apesar de ter usado a máquina administrativa, conforme afirmou a Justiça, amargou, indiretamente, uma derrota nas urnas em Barra do Corda. Vale destacar que cabe recurso da decisão do juiz Antônio Elias Queiroga Filho.

Quadrilha de Barra do Corda consegue habeas corpus

Do blog de Décio Sá – O prefeito foragido de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, o Nenzim (PV), acusado pela Polícia Federal de comandar uma “organização criminosa” que desviou mais de R$ 50 milhões dos cofres do município nos últimos anos, conseguiu habeas corpus junto ao STJ.

Prefeito Nezim está foragido

A informação é do advogado José Duarte Júnior. Ele atua no caso junto com o colega Eduardo Alckmin. Segundo Duarte, o ministro Teori Albino Zavascki concedeu ontem a liberdade para a nora do prefeito, Janaína Maria Morena Simões de Sousa, que estava presa em Pedrinhas.

Hoje os advogados pediram extensão da medida aos outros acusados, sendo deferida pelo ministro. Duarte contou ao blog que o habeas corpus foi concedido sob a argumentação que ninguém pode ser preso para ser investigado.

Chefe da “Operação Astiages”, que prendeu a quadrilha, o delegado Victor Mesquita disse ao blog não ter informações sobre a soltura dos presos. Ele reafirmou a consistência das provas que constam no inquérito.

Além de Nenzim, passaram quatro dias foragidos a mulher dele, Francisca Teles de Sousa, a Santinha, e o lobista João Batista Magalhães. A PF prendeu ainda dois filhos, um genro, e mais cinco “laranjas” da “organização criminosa”, totalizando nove pessoas. Todos serão soltos nas próximas horas.

A população de Barra do Corda está programando para esta segunda-feira uma grande manifestação na cidade contra o prefeito.

A direção nacional da PV  pressiona o Diretório Estadual do Maranhão no sentido de que expulse Nenzim de suas fileiras. As lideranças locais esperam que ele tome a iniciativa de se licenciar do partido imediatamente até explicar todas as acusações feitas pela PF.

Defesa de prefeito forgaido estuda a possibilidade de ele se entregar

Os advogados do prefeito Manoel Mariando de Souza, o Nenzim (PV) de Barra do Corda, foragido de justiça, estuda a possibilidade de ele se entregar nas próximas horas. Ele fugiu ontem do município, após a Polícia Federal ter dado início a Operação Astiages, que culminou na prisão de nove pessoas, entre eles, o seu filho, Pedro Alberto Teles, que atuava na área de finanças da prefeitura.

A PF continua atrás do prefeito e da primeira-dama de Barra do Corda, Francisca Teles de Souza, além do lobista João Batista Magalhães (este último com relações próximas ao vice-governador Washington Luiz), que trataram de se esconder após ficarem sabendo das primeiras prisões.

Com a ação de ontem a PF apreender bens móveis pertencentes a organização criminosa comandada pelo prefeito Nenzim que ultrapassa a casa de R$ 5 milhões. De acordo com a polícia, nos últimos cinco anos a organização chegou a desviar cerca de R$ 50 milhões dos cofres públicos, um absurdo.

A PF também apreendeu um avião bimotor e um helicóptero, foram apreendidas duas Pajeros, uma Hilux, dois Honda City, um Honda CRV, seis caminhões baú, 15 relógios de luxo (Rolex, Bvlgari, Tag Hauer, Ferrari etc.) e jóias. Os relógios e as jóias ainda passarão por avaliações.

Prefeito de Barra do Corda e primeira-dama estão foragidos

A Polícia Federal realiza a Operação Astiages no estado para cumprir 12 mandados de prisão e 18 de busca e apreensão nos municípios de Barra do Corda e na capital São Luís.

Entre os procurados, está o prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, o Nenzim (PV), e a primeira-dama, Francisca Teles de Sousa, a “Satninha, considerados foragidos. O outro foragido é o lobista João Batista Magalhães, que teria ligações com o vice-governador Washington Luiz Oliveira (PT).

Segundo a Polícia Federal, desvios na Prefeitura de Barra do Corda chegam a R$ 50 milhões. Já foram presas nove pessoas, entre elas, o genro e a nora do prefeito.

As ordens judiciais de prisão temporária e busca e apreensão foram expedidas pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. A operação é coordenada pelo Grupo de Repressão aos Crimes Financeiros e Lavagem de Dinheiro da Superintendência Regional de Polícia Federal no Maranhão.

Mais de 100 policiais trabalham na Operação Astiages, que segundo a PF, recebeu esse título em referência a um rei que governou a Pérsia no século V a.C.

Foram apreendidos pela Polícia Federal um helicóptero, um avião, carros de luxo, jóias e uma caixa com relógios de luxo.

Relação de procurados pela PF. Em destaque, os foragidos

Manoel Mariando de Sousa (Nenzim) – prefeito
Francisca Teles de Sousa (esposa)
Sandra Maria Telis de Sousa (filho)
Inamar Araújo Medeiros (genro)
Pedro Alberto Telis (filho)
Janaína Maria Morena Simões de Sousa (nora)
João Batista Magalhães (lobista)
Moacir Mariano Silva (laranja)
Luís Marques de Sousa, o Luizinho da Cemar (laranja)
Quintino Gomes da Silva, o Peba (laranja)
Gilson da Silva Oliveira (laranja)
José Aucivan da Silva (laranja).