Aprovado projeto que inclui São Marçal no calendário cultural do Estado

Aprovado por unanimidade, na Sessão desta terça-feira (4), o Projeto de Lei n° 166/2017, de autoria do deputado Eduardo Braide, que inclui a Festa de São Marçal no calendário oficial de eventos do Estado do Maranhão. O parlamentar destacou a importância do Projeto de Lei para o evento que, em meio a polêmicas, chegou a sua 90ª edição este ano.

“O Projeto de Lei de nossa autoria é o reconhecimento e uma justa homenagem à essa cultura viva, que passa por cima de qualquer impasse, de qualquer dificuldade, vence polêmicas, gera renda e é um ponto forte para o turismo. Foi isso que vimos no João Paulo no último dia 30 de junho. E é exatamente o que queremos ver assegurado a partir de agora quando o Projeto virar lei”, ressaltou Eduardo Braide.

Em seu discurso, o deputado agradeceu aos demais parlamentares pela aprovação unânime do Projeto de Lei n° 166/2017.

“Agradeço a cada deputado que votou de forma favorável a este Projeto que não é meu. É da Assembleia Legislativa em prol da nossa cultura, por aqueles que bravamente resistem e fazem acontecer a Festa de São Marçal todos os anos”, afirmou Braide.

O Projeto de Lei n° 166/2017, de autoria do deputado Eduardo Braide, inclui a Festa de São Marçal no calendário oficial de eventos do Estado, realizada anualmente no dia 30 de junho. O Projeto segue agora para sanção do governador do Estado.

Edilázio prestigia festejo junino em municípios do interior do estado

O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) participou de eventos culturais e arraiais juninos no interior do estado ao longo da semana. Ele prestigiou eventos nos municípios de Belágua, Matinha, Cajari e Urbano Santos.

Em Belágua, foi recebido pelo prefeito Herlon Costa, o vice-prefeito Norton Nazareno e lideranças políticas da região. Lá, acompanhou a apresentação do Boi Barrica, de quadrilhas e dezenas de brincadeiras.

Já em Matinha, foi recebido primeiro na residência da liderança ‘Cabeça’, onde participou de um almoço, que contou as presenças do ex-prefeito Sibá, de Bacurituba e dos vereadores Pacote, Chico Barros, Júlio do Carmo, além da ex-prefeita de São Vicente Férrer Maria Raimunda, do presidente da Câmara Municipal de São Vicente Férrer, Jailson, dos vereadores Taba de Cururu, Zequinha e Bajaco. Os vereadores de Matina, Tom, Junior Pereira, Ulisses, Rosiolete Rabelo, e a liderança Maria de Jesus, também estavam no evento político, bem como o deputado estadual Adriano Sarney (PV).

No período da noite, o deputado participou do tradicional “Encontro de Bois” na Praça Matriz da cidade, que marcou como ponto alto, a festa junina de Matinha.

Em Cajari, onde a agenda havia sido iniciada Edilázio participou, ao lado do deputado César Pires (PEN) e do ex-candidato a prefeito, Padre Paulo, do arraial da cidade.

E em Urbano Santos, Edilázio foi recebido pela prefeita Iracema do Vale; a vice-prefeita Darcy Almeida, secretários municipais, lideranças e o dr. Marcio Endles. Lá, prestigiou a apresentação do Boi Nina Rodrigues, Boi Barrica, quadrilhas e brincadeiras culturais.

“Pior São João da história do Maranhão”, diz Edilázio Júnior

O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) criticou hoje, na Assembleia Legislativa, a organização do São João 2017 no Maranhão. Ele apontou enfraquecimento das festividades, a desvalorização do Governo do Maranhão às manifestações culturais e a falta de incentivo ao turismo.

Um dos pontos abordados pelo parlamentar, que citou recente pronunciamento do vereador Marcial Lima, diz respeito ao fechamento dos arraiais num horário mais cedo ao que tradicionalmente os brincantes estão acostumados. Por determinação da Secretaria Pública de Segurança, a Polícia Militar tem obrigado às administrações dos arraiais a encerrarem as atividades às 1h da madrugada.

“A Polícia Militar chegar por ordem de alguém nos arraiais, que já são poucos e com poucas brincadeiras, por volta de uma hora da manhã e encerra. Ora, nós, sabemos que as brincadeiras juninas corriqueiramente amanhecem o dia. Os batalhões de bumba boi sempre chegam tarde aos arraiais, e hoje os arraiais estão findando a uma hora da manhã, correndo o risco de não ter o Festejo de São Marçal, lá no João Paulo, por falta de incentivo do Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura”, disse.

Para Edilázio Júnior, o São João 2017 está menor e menos atrativo ao do ano passado, que segundo ele, já foi um dos piores da história do estado.

“Hoje o Governo e Prefeitura andam de mãos dadas, e nós temos o São João mais fraco da história do Maranhão. O Governo Flávio Dino consegue se superar. Em 2016, eu achei que nós tivemos o pior São João da história. Chega 2017, ele se supera, consegue ter um arraial mais fraco, um arraial pobre, sem incentivo às brincadeiras”, completou.

Ele falou da falta de pagamento da Prefeitura de São Luís às brincadeiras que se apresentaram no período junino do ano passado e cobrou do Governo e da Prefeitura de São Luís, incentivo às festas culturais.

“Graças a Deus nós maranhenses não temos nenhum brincante de bumba boi ou cantor de bumba boi de São Paulo filiado ao PCdoB, porque se não ele ia trazer para cá como fez assim no réveillon em nossa capital, trazendo sambista que está no ostracismo, mas é filiada ao PCdoB”, finalizou.

Conheça as principais propostas de Joabson Junior para a Câmara de SL

joabson-itineranteO advogado Joabson Junior, candidato a vereador pelo PHS, tem apresentado ao eleitorado de São Luís algumas de suas principais propostas para a Câmara Municipal, por meio de seu perfil em rede social.

Recomendado pelo candidato a prefeito Wellington do Curso (PP) [reveja aqui], Joabson separou 11 principais propostas para os últimos 11 dias da campanha eleitoral. O blog separou alguns destes temas.

Uma das propostas de maior impacto para a próxima legislatura na Câmara Municipal e que segue o modelo adotado por Wellington na Assembleia Legislativa, é a Câmara Itinerante.

joabson-esporteO objetivo do projeto é aproximar o Parlamento Municipal da sociedade ludovicense. Pelo projeto, o cidadão teria acesso direto ao vereador para apresentar problemas e anseios das comunidades e sugestões para a Câmara.

Joabson também apresentou um conjunto de propostas para a área do Esporte e Lazer da capital. Dentre as ações, estaria o incentivo à prática do esporte nas comunidades; expandir os repasses do Poder Público de forma igualitária a todos os clubes da capital – acabando desta forma com o monopólio no setor -; dar estrutura aos campeonatos de futebol amador nos bairros e incluir a prática das artes maciais nas escolas do município.

joabson-educacaoJá para a Educação, são cinco as principais propostas: padronização do fardamento e comunicação visual das escolas, evitando desperdício e gastos a cada troca de governante; plano de saúde para os professores e demais profissionais da área; inclusão do Direito Constitucional na grade de ensino assim como o retorno da disciplina Educação, Moral e Cívico nas escolas; exigir e fiscalizar a utilização do Fundeb, garantindo assim a qualificação e valorização dos profissionais e inclusão do vale-refeição aos professores que atuam em escolas da zona rural de São Luís.

joabson-culturaPara Cultura e Turismo são três as principais propostas destacadas pelo candidato a vereador: a primeira é o Bumbódromo: criação de um local destinado aos grupos e manifestações culturais da cidade; Nosso São João: programa transparente de incentivo para grupos culturais e Turismo para Todos: ampliação e reestruturação das manifestações culturais no polo turístico, buscando fomentar o turismo e a geração de emprego e renda na cidade.

joabson-saudeE para o setor da Saúde, as propostas são: lutar pela criação de hospitais e ampliação da rede de postos de saúde equipados, com profissionais e medicamentos; criação do selo de qualidade para bares e restaurantes que estiverem adequados às normas da Anvisa; ampliação dos atendimentos oferecidos para idosos e mulheres, sobretudo na zona rural de São Luís; compromisso em apoiar e fortalecer os conselhos de classe e lutar pela realização de concurso público para os profissionais da área da Saúde.

Leia também:

______________VÍDEO! Wellington recomenda Joabson para a Câmara de Vereadores

______________Carreata de Joabson movimenta os bairros Cohab e Cohatrac

______________Joabson consolida candidatura e alcança adesões nas redes sociais

Flávio Dino anuncia saída de Felipe Camarão da Cultura e artistas reagem

Camarão 1Não foi bem recebida pelos artistas maranhenses a informação do governador Flávio Dino (PCdoB) de que o secretário de Estado da Cultura, Felipe Camarão, deixará o cargo depois do Carnaval.

Flávio Dino afirmou na manhã de hoje que o secretário assumirá outra pasta em fevereiro.

– Ainda vamos definir pra onde ele vai, o certo é que será uma secretaria mais próxima a mim – explicou.

Camarão 2

Foi o bastante para que artistas locais iniciassem uma campanha, nas redes sociais, pela permanência do secretário.

Cesar Boaes publicou em seu perfil, no Facebook, um banner com a imagem de Felipe e um apelo: “Campanha fica Felipe e melhora mais a inda!!!”.

Na descrição da imagem, ele completou o apelo: “Compartilhem!!! Quando dá certo alguém na pasta da Secretaria de Cultura tiram o secretário? Governador deixa Felipe Camarão. Estou lançando esta campanha”.

Mano Borges comentou em seguida. “Se for verdade é uma perda para as artes do Maranhão. Esse jovem e talentoso secretário vem desenvolvendo um belíssimo trabalho”.

Apesar da manifestação dos artistas, Dino parece já ter tomado a sua decisão. Felipe deixará mesmo a pasta…

Zé Inácio pede a Edivaldo que inclua o Boi da Maioba na programação do São João

Deputado Zé Inácio

Deputado Zé Inácio

O deputado Zé Inácio (PT) apelou há pouco na tribuna da Assembleia Legislativa, ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC), para que este determine à Fundação Municipal da Cultura (Func), inclua na programação das festas juninas, o Boi da Maioba, que conforme revelou ontem o blog do Gilberto Léda, foi excluído da grade cultural.

Zé Inácio afirmou compreender a importância do seletivo realizado e já previsto em edital, mas ponderou que não se pode deixar um dos mais tradicionais grupos de Bumba-Meu-Boi do Maranhão de fora da festança ludoviscense.

“Deixar de fora esse boi é como deixar órfão o nosso festejo junino”, disse.

O Boi da Maioba ficou na 133ª posição na classificação de propostas para a programação municipal, o que foi insuficiente para a inclusão do grupo na festa.

A polêmica continua.

Cultura: ‘Tributos’ estreia hoje na Litorânea

Cantor Mario Fernando

Cantor Mario Fernando

Estreia nesta sexta-feira (24), às 21h na casa de shows Portal da Litorânea ( Av. Litorânea), o projeto musical ‘Tributos’ que homenageia grandes nomes da Música Popular Brasileira, entre compositores da clássica e nova MPB e  do Pop-Rock nacional das décadas de 80 e 90.

Em formato acústico, ‘Tributos’ traz aos palcos de São Luís por mais uma vez o cantor e compositor maranhense Mário Fernando que se apresentará ao lado dos músicos Serra Neto (contrabaixo) e Bira(bateria e percussão). Acompanhando-se ao violão, Fernando fará uma releitura de canções de artistas como Milton Nascimento, O Rappa, Zé Ramalho, Alceu Valença, Barão Vermelho, Caetano  Veloso, RPM, O Surto, Zeca Baleiro e Chico Buarque.

A proposta do projeto é disseminar a Música Brasileira a partir da interpretação original dos músicos locais. A direção artística é assinada pelo compositor, produtor e jornalista Fernando Atallaia.

Serviço:

O que: Estreia do projeto musical ‘’Tributo’’ com o cantor e compositor Mário Fernando.

Onde: Portal da Litorânea (Av. Litorânea).

Quando: Sexta-feira (24) às 21h.

Couvert artístico: R$ 6,00

Carlos Berg no Botequim Original SLZ

O som de Carlos Berg no Botequim Original começa a partir das 20h

O som de Carlos Berg no Botequim Original começa a partir das 20h, no Olho d’Água

Carlos Berg é cantor e compositor maranhense com 16 anos de carreira

Carlos Berg é cantor e compositor maranhense com 16 anos de carreira

O cantor e compositor maranhense Carlos Berg, que tem 16 anos de carreira, é quem conduzirá o som amanhã, a partir das 20 horas no Botequim Original SLZ, situado na Rua das Cegonhas, no Olho d’Água.

Com o uma trajetória cercada de sucessos em diversos festivais regionais e nacionais, Carlos Berg é certeza de qualidade musical, com uma característica própria que chama a atenção do mais novo ao mais velho amante da boa música.

Ele vai protagonizar um bom som no estilo “voz e violão”, na casa que que amplia o seu leque de atendimento de bar para restaurante.

Um pouco sobre o artista: Carlos Berg é autor de composições de sucesso como “Fulêra no Quinto”, composta em parceria com o músico Gerude e gravada por Zeca Baleiro; “Covardes Algemas” – vencedora do Festival UniReaggae e feita em homegame ao artista Gerô, brutalmente assassinado em 2007 e da balada romântica “Dow”, tocada em várias rádios do país. Ele venceu o prêmio Revelação 2011 pela Rádio Universidade FM.

Também já recebeu prêmios pela música “Quem é Deus”, cantada pela anda Kasamata e composta em parceria com a cantora Célia Leite e já emplacou parcerias importantes com os artistas Luís Lima, Sérgio Panichi, Jomarcus, Nosly e Ronald Pinheiro.

Já venceu o primeiro lugar no Festival de Poesia Catulo da Paixão Cearense, em Fortaleza (CE), oportunidade na qual representou a cultura maranhense.

Também já fez a abertura de shows de inúmeros artistas consagrados no cenário mundial, como o de Ana Carolina, Geraldo Azaevedo, Biquine Cavadão, Planta e Raiz, Seu Jorge e Kid Abelha.

Portanto, Carlos Berg é a boa pedida deste sábado!!!

Cultura: Roseana Sarney lança o São João do Maranhão 2014

Foto 4 Lançamento do São João foto Geraldo FurtadoO “São João do Maranhão – A Copa da Cultura Brasileira” foi lançado pela governadora Roseana Sarney, no fim da tarde de hoje, no Palácio dos Leões (Centro). No ato, ao lado da secretária de Estado da Cultura, Olga Simão, ela destacou os números da programação, deu detalhes dos arraiais que movimentarão o período e anunciou o incremento de 42% no valor do cachê das manifestações. Ao final, houve apresentação de diversas manifestações.

O festejo acontecerá no período de 19 a 29 deste mês em diversos espaços. Ao todo, serão 1.600 apresentações, entre elas 550 manifestações juninas e 90 shows musicais de maranhenses e 7 de artistas nacionais. O roteiro contempla bumba-meu-boi, tambor de crioula, quadrilha, cacuriá e danças diversas.

“Sob as bênçãos dos santos juninos, vamos fazer uma grande festa para celebrar a nossa cultura e a nossa seleção, daquele jeito que nós, maranhenses, sabemos fazer como ninguém: com muita alegria, paz e muito orgulho da nossa cultura”, declarou a governadora.

Roseana Sarney também destacou que o festejo junino incrementa outros setores, como a economia. “Além da beleza e alegria, a festa cria emprego e gera renda para o povo maranhense”, observou.

Foto 6 Lancamento do São João foto Geraldo FurtadoNa programação apresentada, haverá dois Cortejos Juninos que movimentarão as ruas de São Luís, nas sextas-feiras, dias 20 e 27 de junho. Os grupos se concentração na Praça Deodoro, seguindo pela Rua Grande até a Praia Grande.

Já no período de 20 a 29, haverá festança no Ceprama, na Vila Palmeira e na Praia Grande, que abrigará uma grande Vila Junina, com tradicionais pontos de apresentação no Canto da Cultura, Praça Nauro Machado, Casa do Maranhão, Praça da Faustina.

Sete espaços Vivas, em diversos bairros, vão se transformar em arraiais, garantindo mais conforto aos moradores, que não precisarão se deslocar para outras localidades. A festa movimentará o Anjo da Guarda, Bairro de Fátima, Estiva, João Paulo, Liberdade, Praça da Saudade (Madre Deus) e Vila Embratel.

Presentes à cerimônia, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo, e os deputados estaduais Leo Cunha, Magno Bacelar, Carlos Filho, Rogerio Cafeteira, Dr. Pádua, Graça Paz, Edilázio Jr, Vianey Bringel, Alexandre Almeida, Zé Carlos Nunes, Rigo Teles, Jota Pinto, Raimundo Louro. Além deles, os secretários de Estado de Cultura, Olga Simão; de Turismo, Jura Filho; de Comunicação Social, Carla Georgina; de Direitos Humanos, Luiza Oliveira; de Ciência e Tecnologia, José Costa; do Gabinete Militar, Coronel Vieira; da Casa Civil, Anna Graziela; de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar, Fernando Fialho; Meio Ambiente, Genilde Campagnaro; de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Claudio Azevedo; e de Articulação Institucional, Pâmela Santos.

A secretária de Estado da Cultura, Olga Simão, disse que cada detalhe da programação foi pensado para mostrar a grandiosidade dos festejos juninos maranhenses. “Serão 1.600 apresentações em vários arraiais. Além de São Luís, o projeto contempla festejos em 100 municípios do interior do estado, que vão contar com apresentações de bois de todos os sotaques, danças e muito mais”, observou.

Olga Simão falou também sobre o Arraial da Lagoa que já se firmou como ponto das celebrações juninas. “Essa mistura atraiu grande público em 2013 e deve repetir o sucesso neste ano”.Foto 5 Lancamento do São João foto Geraldo Furtado

 Ascom

“É um zero a esquerda”, diz Edmilson Jansen sobre Chico Gonçalves

Edmilson Jansen pegou pesado com o aliado

Edmilson Jansen pegou pesado com o aliado

Mário Carvalho – O líder do PTC na Câmara de São Luís, vereador Edmilson Jansen, resolveu criticar não só a postura do PCdoB na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior (PTC), mas também o presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Chico Gonçalves (PT).

Para ele, Chico não passa de “um zero a esquerda” e não tem condições mínimas para contribuir com a cultura da capital. Até o momento, Gonçalves não respondeu às críticas do aliado.

Na mesma sessão, Edmilson voltou a tecer críticas à vereadora Rose Sales (PCdoB), voltando a acusar o partido comunista pela contribuição, segundo ele, no fracasso do primeiro ano da administração do prefeito Edivaldo Holanda Junior. Ele acusa do PCdoB de ter interferido na formação de parcerias institucionais com o Governo do Estado.

No entendimento do representante do PTC no Legislativo Municipal, o PCdoB não passa de uma “mala pesada e sem rodas”.

* Com edição do blog