Flávio Dino corta R$ 9 milhões da Educação depois de remanejar R$ 9 milhões para a Comunicação

Recorte de imagem do Diário Oficial retirado do blog de Gilberto Léda

O blog do jornalista Gilberto Léda mostrou hoje a decisão do governador Flávio Dino (PCdoB) de efetuar cortes de R$ 9,3 milhões da Educação de 11 municípios maranhenses.

A medida atingiu as cidades de Afonso Cunha, Água Doce do Maranhão, Aldeias Altas, Bélagua, Itaipava do Grajaú, Jenipapo dos Vieiras, Milagres do Maranhão, Santana do Maranhão, São João do Carú, São Raimundo do Doca Bezerra e São Roberto.

Os recursos teriam sido destinado diretamente para a Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan), para reforçar dotação do Fundo Maranhense de Combate à Pobreza (FUMACOP).

O corte de recursos da Educação, já publicado no Diário Oficial do Estado, ocorreu logo após o governador Flávio Dino ter autorizado remanejamento de R$ 9 milhões do Tesouro Estadual para a Comunicação. O dinheiro será usado na propaganda do Executivo.

Leia mais sobre o tema aqui

Segep desmente Flávio Dino sobre a incorporação de novos 1.500 PMs

Dino PM 1Gilberto Léda* – Desde o fim do ano passado, o governador Flávio Dino (PCdoB) tem alardeado que atingiu a meta estabelecida de incorporar ao Sistema de Segurança Pública 1.500 novos policiais militares.

O treinamento ocorreu em tempo recorde – uma turma concluiu o curso em três meses – e a formatura foi realizada no mês de dezembro.

Seja em suas páginas nas redes sociais (veja acima), ou por meio da comunicação oficial do Governo do Estado (leia aqui), o comunista garante que “começaram a trabalhar, reforçando as ações de segurança” (grifo meu).

Ocorre que isso não passa de uma deslavada mentira – ou uma grave confissão de improbidade administrativa.

E quem diz isso não é o Blog do Ronaldo Rocha, mas a própria Secretaria de Estado de Gestão de Previdência (Segep) do governo Flávio Dino.

Em nota oficial encaminhada ao blog na noite de ontem (5), a Segep desmentiu o comunista e confirmou o que já se sabia: o Executivo nomeou 455 novos policiais militares, não 1.500 (as nomeações podem ser vistas aqui).

No comunicado, a secretaria responsável pela gestão dos servidores do Estado diz mais: que os demais candidatos aprovados, para completar os 1.500 alardeados por Dino, serão nomeados apenas após a divulgação do resultado final do certame, o que deve ocorrer “nos próximos dias”.

Nesse caso, os candidatos ainda estão tendo o resultado do concurso processado pela Fundação Sousândrade e só depois disso serão integrados aos quadros da PM.

“Todos os mais 1.300 candidatos aprovados estão com o resultado sendo processado pela Fundação Sousândrade e estarão integrados aos quadros da Polícia Militar ainda este mês”, diz a nota.

Veja a íntegra abaixo

A Secretaria de Estado de Gestão de Previdência (Segep) esclarece que no final de dezembro de 2015 foram nomeados 455 candidatos aprovados no concurso público. Os demais candidatos aprovados serão nomeados após divulgação do resultado final do certame, nos próximos dias. A Segep informa que a diferença de prazos para as nomeações, se deve ao fato de uma turma ter concluído primeiro o curso de formação e a outra turma ter finalizado as aulas somente ao final do mês de dezembro. Portanto, todos os mais 1.300 candidatos aprovados estão com o resultado sendo processado pela Fundação Sousândrade e estarão integrados aos quadros da Polícia Militar ainda este mês”

* com edição do blog

Diário Oficial do Estado está sem atualização desde o dia 23 de dezembro

Diário Oficial do EstadoApesar de já estarmos no quinto dia do ano, o Governo do Estado ainda não atualizou a página na internet do Diário Oficial, onde são permitidas as consultas públicas aos atos do Executivo.

A última atualização, disponível às 9h de hoje, é do dia 23 de dezembro de 2015, ou seja, antes mesmo do Natal.

Para se ter uma ideia da carência de informações oficiais, não está disponível para pesquisa, por exemplo, o ato extremamente importante que oficializou as férias do governador Flávio Dino (PCdoB) e que repassou o comando do Estado para o então vice-governador, Carlos Brandão (PSDB).

Também não estão disponíveis para pesquisa pública os contratos firmados pelo Governo do Maranhão, licitações ou dispensas de licitações, além de convênios que por ocasião possam ter sido assinados dos dias 24 de dezembro do ano passado a 4 de janeiro deste ano.

O mesmo ocorre com o Portal da Transparência.

Estranho…

Dino destina quase R$ 4 milhões da mobilidade urbana para o Carnaval

recursos carnavalO governador Flávio Dino (PCdoB) baixou decreto na última quarta-feira, que cancela dotação orçamentária que seria destinada a ações de mobilidade urbana e destina para a Secretaria de Cultura.

O objetivo é o incremento do Carnaval, por meio de crédito suplementar de R$ 3,7 milhões. Para a operação fosse efetivada, Dino anulou o mesmo valor da dotação da Agência Estadual de Mobilidade Urbana, criada na gestão comunista.

Dino também garantiu o pagamento de emendas a deputados estaduais aliados, no valor de R$ 150,00 mil, para serem destinados a prefeituras. Os recursos também devem ser aplicados no Carnaval 2015. Ao todo, mais de R$ 6 milhões serão gastos na operação.

E isso tudo com o discurso de que Flávio recebeu o Governo com desfalques nas contas. Dá para acreditar…?

 Com informações de Gilberto Léda

Árvore de Natal custa mais de R$ 1 milhão e meio em São Luís

arvore-de-natal2O Diário Oficial do Município do dia 4 de novembro, publica o contrato número 048 de 30 de outubro de 2013, com inexigibilidade de licitação para a contratação de empresa especializada em serviços de montagem e desmontagem de árvore de natal em estruturas tensionadas no valor de R$ 1.620.000,00.

O documento é assinado pela Prefeitura de São Luís por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), e celebra a contratação da G. Merlin P. da Silva. O prazo para a conclusão dos serviços é de 90 dias.

Leia mais no blog de Daniel Matos

Apesar de tratar do objeto o singular, a publicação não especifica se o contrato refere-se apenas a montagem da árvore de natal da Praça Maria Aragão, ou se abrange outras estruturas, como a do retorno do São Francisco e outra situada na Avenida dos Holandeses.

De qualquer forma, estão sendo gastos mais de R$ 1 milhão e meio no serviço. Se valerá a apena, a população é quem dirá…Árvore de Natal