Eliziane pede a quebra dos sigilos bancário e telefônico do Instituto Lula

Eliziane Gama é membro da CPI da Petrobras

Eliziane Gama é membro da CPI da Petrobras

A deputada federal Eliziane Gama (PPS-MA) protocolou na CPI da Petrobras requerimentos pedindo a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico do Instituto Lula e da LILS Palestras Eventos e Publicidade, empresa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Deputados do PSDB também apresentaram pedido de convocação do presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto.

As investigações da Operação Lava Jato apontaram que a empreiteira pagou R$ 3 milhões para o Instituto Lula e R$ 1,5 milhão para a LILS entre 2011 e 2013. É a primeira vez que os negócios do petista aparecem nas investigações.

Eliziane também é autora do pedido de convocação do ex-presidente Lula, mas a aprovação deste requerimento não é unanimidade nem entre os deputados da oposição. “Temos aqui a oportunidade de avançar nas investigações: seja na imediata convocação de investigados para uma acareação, seja na quebra de sigilos de peixes graúdos como Dirceus, Paloccis e Lulas da Silva. Aliás, poderíamos começar por convocar o ex-presidente da República que deve muita explicação a esta Casa”, justificou a deputada.

Informações do site nacional do PPS