A interminável crise no PMDB

Eliziane Gama esteve na noite de ontem no PMDB

Eliziane Gama esteve na noite de ontem no PMDB

Desde 2014, quando perdeu a eleição para o Governo do Estado, o PMDB tem tentado assumir a condição de protagonista para o pleito deste ano, sem muito sucesso.

Discutiu composição com pré-candidatos e chegou até a cogitar uma aliança com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), o que foi descartado em seguida pela direção estadual da sigla.

Agora, “namora” a pré-candidata Eliziane Gama (PPS), o que provocou novo “racha” na legenda.

Isso porque o vereador Fábio Câmara, pré-candidato a prefeito pelo partido, reagiu de imediato e atacou a popular-socialista.

Antes de atender a um convite de Edison Lobão Filho para participar de uma reunião no PMDB (reveja), a deputada federal Eliziane Gama, pré-candidata do PPS à Prefeitura de São Luís, esteve na casa do senador.

Gama havia atendido a um convite do senador Lobão Filho para discutir a possiblidade de uma aliança política. Para Fábio, um oportunismo “rasteiro”.

O partido está dividido.

De um lado, a ex-governadora Roseana Sarney e o senador Lobão Filho, que defendem a composição do PMDB com outro canddato.

De outro, o vereador Fábio Câmara e o senador João Alberto, que defendem o projeto de candidatura própria.

A legenda realizará a sua convenção partidária na próxima semana. E até o momento não definiu que rumo seguir nas eleições 2016.

 

Rede reafirma apoio a Eliziane Gama

eliziane redeO Elo da Rede Sustentabilidade no Maranhão e em São Luís declararam, na noite desta quinta-feira, dia 22 de julho, apoio ao projeto de candidatura própria do PPS à Prefeitura da capital maranhense. Os membros da Rede reafirmaram que a pré-candidata, Eliziane Gama é o melhor nome para governar a cidade.

“Quero falar da minha alegria de levar a marca da Rede comigo, pois faz parte da minha história. Foi um partido que ajudei a construir e quero que contribua com propostas para o programa de governo, principalmente na área de meio ambiente”, destacou Eliziane.

Na ocasião, o porta-voz do Elo Estadual, o ex-juiz Marlon Reis aceitou convite da deputada Eliziane Gama de comandar a coordenação jurídica da campanha do PPS.

“Gostaria de aproveitar para declarar publicamente que aceito o convite da deputada. Vou dar minha contribuição pessoal e profissional, e acompanhar juridicamente toda a campanha. Minha formação é na área de justiça eleitoral e quero colocar todo o meu saber à disposição”, enfatizou Marlon Reis.

Eliziane agradeceu ao ex-juiz e disse que é uma grande honra tê-lo na equipe. “Fico muito feliz com o Dr. Marlon Reis na coordenação jurídica, pois é um nome de peso e respeitado no cenário nacional. É autor da Lei da Ficha Limpa e orgulho para o Maranhão”, enfatizou.

PPS e Rede agora caminham oficialmente juntos nas eleições deste ano. Em junho, durante visita à São Luís, a ex-senadora Marina Silva já havia reiterado seu apoio incondicional ao projeto de candidatura de Eliziane Gama (PPS), além de ter classificado a deputada federal como o melhor nome para administrar a capital maranhense.

Neto Evangelista foi o seu próprio adversário na corrida por São Luís…

Depois de dividir chapa com Castelo em 2012, Neto traiu o ex-prefeito e vetou a sua candidatura ao Senado em 2014

Depois de dividir chapa com Castelo em 2012, Neto traiu o ex-prefeito e vetou a sua candidatura ao Senado em 2014

É bem verdade que ele ainda pode buscar espaços na composição de chapa com a deputada federal Eliziane Gama (PPS) mas, o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista (PSDB), perdeu para si mesmo a consolidação de um projeto eleitoral em São Luís.

Licenciado do mandato de deputado estadual para servir ao Governo Flávio Dino (PCdoB), Evangelista abriu mão de retornar ao Parlamento no início do ano, como fez Bira do Pindaré (PSB), para contrapor a gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e então colocar-se como uma alternativa ao eleitorado ludovicense.

Neto Evangelista passou meses no mais absoluto isolamento político, e durante esse período, só assistiu o crescimento gradual de seus adversários, dentro e fora do PSDB.

Na sigla, por exemplo, era gigantesco o abismo que o separava do cacife político do deputado federal João Castelo, principal nome da legenda para a disputa. Até Pinto Itamaraty passou a ganhar espaços na legenda e ser cogitado a candidato a vice de Eliziane.

Neto Evangelista – que formou chapa em 2012 com João Castelo, mas que em 2014 traiu o ex-prefeito e ajudou o PSDB a vetar a candidatura dele ao Senado Federal -, somente “acordou” para a disputa eleitoral, há pouco mais de 40 dias. Começou a se colocar como pré-candidato a prefeito pelo PSDB, atacou o prefeito Edivaldo, mas já não contava com o apoio do seu próprio partido político.

Ontem o PSDB bateu o martelo. Apoiará Eliziane Gama e indicará o candidato a vice.

E Neto já recebeu o recado: terá de se conformar com a decisão e, se quiser, poderá colocar o seu nome à disposição para a disputa de espaços na chapa liderada pelo PPS. Nada além disso.

Essa é a derrota do tucano, para um adversário que ele mesmo criou…

PSDB consolida apoio a Eliziane Gama

PSDB e ElizianeO Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) fechou ontem, em Brasília, apoio à candidatura da deputada federal Eliziane Gama (PPS) à Prefeitura de São Luís. O acordo é para que a sigla tenha a prerrogativa de indicar o candidato a vice, na chapa de Gama e ocupe espaços no Governo. O PSDB definirá o nome do vice durante as convenções partidárias.

Com a aliança já firmada entre o PSDB e Eliziane Gama na capital, o deputado federal João Castelo (PSDB) abre mão, automaticamente, da disputa. O ex-governador do Estado e ex-prefeito de São Luís, figurava até então, nas pesquisas de intenção de votos já registradas na Justiça Eleitoral, empatado tecnicamente com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

A articulação que resultou na aliança entre os dois partidos, contou a com a participação efetiva das lideranças nacionais de cada sigla. Na reunião de ontem, por exemplo, estavam presentes do PSDB, o vice-governador e presidente do diretório estadual, Carlos Brandão, o suplente de senador, Pinto Itamaraty, o deputado federal João Castelo, João Almeida e o senador Aécio Neves, ex-candidato a Presidência da República.

Pelo PPS estavam presentes o presidente nacional da sigla, Roberto Freire, o deputado federal Rubens Bueno, do Paraná, e a deputada Eliziane Gama.

Projeto – Eliziane Gama falou com exclusividade a O Estado sobre a aliança. Ela afirmou que o acordo consolida um “projeto vitorioso” para as eleições municipais 2016.

“Estou muito feliz com a decisão. Essa aliança significa um grande passo para a consolidação de um projeto vitorioso para as eleições 2016. Sacramenta um projeto viável e vitorioso do PPS para o município de São Luís”, disse.

Gama afirmou que aguardará, sem interferência alguma, a indicação do candidato a vice, por parte do PSDB e a garantiu que a sigla terá participação num eventual governo do PPS.

“O PSDB possui, comprovadamente, uma gestão de muito sucesso em todo o Brasil. E é por isso que o nosso projeto não é eleitoral, terá foco, sobretudo, no governo. Estamos firmando um compromisso que vai além de interesses eleitorais”, completou.

O suplente de senador Pinto Itamaraty, assegurou que a garantia de total apoio à candidatura de Eliziane Gama, já foi dada pelo senador Aécio Neves. “O martelo foi batido e o partido caminhará com Eliziane Gama. Decidiremos nas convenções partidárias o nome que comporá a chapa majoritária”, resumiu.

Mais

O Estado tentou falar com o deputado estadual licenciado e secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, até então pré-candidato do PSDB às eleições municipais, mas ele não respondeu às mensagens. A direção do partido explicou, contudo, que já teria conversado previamente com o tucano. Garantiu que caso ele tenha interesse, terá também a prerrogativa de buscar espaços na disputa pela vice.

Eliziane é recebida por Aécio Neves: “nossa candidata a prefeita”

elizianeMarco D’Eça – A deputada federal Eliziane Gama (PPS) participou nesta quinta-feira (19) da posse do novo ministro de relações Exteriores, José Serra, em Brasília.

Eliziane esteve presente a convite pessoal do senador Aécio Neves (PSDB-MG), que a apresentou a Serra como “nossa candidata a prefeita de São Luís”.

Ao lado do vice-governador Carlos Brandão, Eliziane conversou com dirigentes tucanos locais e nacionais

E saiu do evento com a certeza da aliança com o PSDB em São Luís…

Wellington deixa o PPS

wellington deixa o PPSO deputado estadual Wellington do Curso oficializou há pouco no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão, a sua desfiliação do PPS no estado.

À imprensa ele afirmou que a decisão é por motivo de ordem pessoal. Afirmou ainda, que mesmo sem definição de nova legenda partidária, ele permanecerá com a sua independência política.

A desfiliação de Wellington do PPS, na verdade, tem como pano de fundo a disputa eleitoral pela Prefeitura de São Luís.

Isso porque a deputada federal e pré-candidata Eliziane Gama (Rede), deve retornar à legenda e para disputar o comando do Palácio La Ravardière.

Wellington, também pré-candidato, perderia espaços caso permanecesse no partido.

Optou por sair e desembarcar em algum outro partido que lhe dê legenda para a disputa eleitoral.

Outra possibilidade é ingressar num partido que feche aliança com Gama para a sua indicação ao posto de candidato a vice-prefeito.

Ele tem até o dia 2 de abril para definir o futuro partidário…

Deputado destaca importância do Parlamento Amazônico

WellingtonNa sessão plenária da última segunda-feira (22), o deputado estadual Wellington do Curso (PPS), utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa para destacar a importância da V Reunião Ampliada do Colegiado de Deputados do Parlamento Amazônico.

Ao se pronunciar, Wellington fez referência ao evento que aconteceu na última quinta-feira (25), em Tocantins, e discutiu sobre os investimentos na Amazônia Brasileira, além de outras temáticas relacionadas.

“Na última quinta-feira, tive a honra de representar o Maranhão em Tocantins, durante a V Reunião do Parlamento Amazônico. Um evento rico em conhecimento e que nos permitiu aprender mais e captar ideias que almejem ao desenvolvimento social e ambiental. No caso do Maranhão, sabemos que parte da Amazônia que nos pertence ainda sofre com os desmatamentos, com a retirada ilegal de madeira, mineração, produção de carvão e caça excessiva. Apesar disso, ainda somos detentores de rica biodiversidade, realidade nos motiva a participar das discussões que são fomentadas pelo Parlamento Amazônico e, então, articular ações pautadas no que defendemos que deve ser fundamento: a sustentabilidade”, ressaltou o parlamentar.

O deputado Wellington mencionou, ainda, o destaque que foi dado ao Maranhão pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), ante a publicação da revista que cita o fato de a Assembleia Legislativa do Maranhão ter sediado a III reunião do Parlamento Amazônico. Para Wellington, o reconhecimento do Maranhão é apenas uma das consequências da representatividade do estado.

“Fomos surpreendidos com a publicação da revista da UNALE que cita o Maranhão como cenário para a III Reunião do Parlamento Amazônico, um forma de reconhecimento da participação de nosso estado em tais discussões. Bem sabemos que ainda há muito o que mudar para então sermos um estado que zele pelo meio ambiente em todos os aspectos, mas a participação em debates já é o passo inicial rumo à trajetória que nos levará a uma sociedade sustentável”, enfatizou.

Wellington renova compromisso com a população do Maranhão

Wellington vitóriaAo fazer referência à chegada de 2016, o deputado estadual Wellington do Curso (PPS) utilizou as suas redes sociais para destacar as suas expectativas para o ano que se inicia, bem como as metas de sua atuação em defesa do povo do Maranhão.

O parlamentar, que teve reconhecida e aprovada atuação no ano de 2015 na Assembleia Legislativa, afirmou que continuará incessantemente em defesa da população do Maranhão, seja na realização de denúncias, seja na fiscalização enquanto parlamentar, ou “sendo a voz” dos que antes não possuíam.

“Um novo ano se inicia e o meu sentimento de gratidão a Deus permanece. Agradeço a Deus pela oportunidade de representar o povo do Maranhão e poder dar voz às denúncias da população. Em 2015, vivi muitas experiências no Parlamento Estadual. Experiências estas que trouxeram aprendizagens e somaram às minhas ações em defesa de todos os maranhenses. Em relação a 2015, resta agradecer a Deus. Quanto a 2016, estamos gratos pela oportunidade de continuar representando os anseios do Povo e, por isso, continuaremos denunciando, fiscalizando e cobrando o cumprimento dos direitos de todo cidadão”, afirmou.

Durante a mensagem, Wellington também externou seu desejo de vivenciar um Maranhão de mais igualdade a todos, além de destacar a necessidade de se fomentar as principais demandas do povo maranhense.

“Que 2016 venha repleto de paz, de saúde, de oportunidades e de educação. Que tenhamos a paz espiritual, concedida por Deus e que tenhamos também a paz análoga à Segurança Pública. Que tenhamos saúde e que, paralelo a isso, o Estado fomente as ações no Sistema Público de Saúde. Quanto às oportunidades, que elas alcancem a todos, sem distinção. Que em 2016 haja mais oportunidades de emprego e ascensão social. Dentre as expectativas, que em 2016 a educação passe a receber a atenção que é devida e que passe a ser prioridade em nosso estado. Infelizmente, as competências impedem que o deputado estadual resolva algo de forma imediata. No entanto, todas as fiscalizações, denúncias e cobranças quanto ao cumprimento dos direitos fundamentais como segurança, saúde e educação por mim continuarão sendo feitas. Reafirmo o meu compromisso não em defesa política, mas em defesa do povo do Maranhão”, ressaltou o deputado Wellington.

Wellington cobra rigor nas investigações do caso Ítalo Diniz

Wellington do Curso pede seriedade na

Wellington do Curso pede elucidação de crime

O deputado estadual Wellington do Curso  (PPS), vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Maranhão, utilizou a tribuna da Casa na tarde de ontem, para cobrar esclarecimentos acerca do assassinato do blogueiro Ítalo Diniz, ocorrido no município de Governador Nunes Freire, no último final de semana.

Ao se pronunciar, o parlamentar externou sua solidariedade aos familiares da vítima e, na ocasião, apresentou proposição cobrando esclarecimentos da Secretaria de Estado de Segurança Pública sobre a morte do jovem.

“No último final de semana, a população do município de Governador Nunes Freire e a imprensa maranhense, mais uma vez, assistiram à execução covarde de mais um blogueiro. Desta vez, o ataque aconteceu na cidade de Governador Nunes Freire e vitimou o jovem Ítalo Diniz. Protocolamos uma Nota de Pesar à senhora Maria de Fátima Diniz Barros, mãe do blogueiro Ítalo, e à sua esposa Élida Moraes, pelo ocorrido. Estamos protocolando também à Secretaria de Segurança Pública do Estado do Maranhão, proposição para que, em um curto espaço de tempo, possa solucionar esse crime na cidade de Nunes Freire, que consternou todo o município e tem consternado toda a imprensa e todos os meios de comunicação. Em menos de três anos, temos outro jovem jornalista, blogueiro tendo sua vida ceifada e retirada do nosso convívio devido à pistolagem que ainda insiste em imperar no Maranhão”, disse.

Durante seu discurso, Wellington também fez referência ao Dia Internacional da Tolerância, comemorado na data de hoje.

“A tolerância é a base do respeito mútuo entre as pessoas e é essencial para construir uma sociedade mundial unida em torno dos valores comuns. A tolerância não deve ser vista como um dado adquirido, mas deve ser ensinada, incentivada e transmitida. A educação, dentro e fora da sala de aula, é essencial para o reforço da tolerância e para combater o ódio e a discriminação. Neste Dia Internacional da Tolerância, renovemos o nosso compromisso de trabalhar pelo diálogo e a compreensão entre todas as pessoas e comunidades, pois uma humanidade unida significa vivermos e trabalharmos juntos, com base no respeito mútuo e para a riqueza que nos traz a diversidade humana”, destacou.