Concurso de Raposa tem inscrições prorrogadas para o dia 30

A Comissão Organizadora do Instituto Machado de Assis, no exercício de suas competências, prorrogou o período de inscrições para o concurso público da Prefeitura Municipal de Raposa (MA). O prazo se encerraria hoje, mas foi estendido até o próximo dia 30 pelo edital nº 01/2018. Essa também será a data-limite para pagamento da taxa de inscrição no certame.

O Instituto Machado de Assis informa aos candidatos que já efetuaram o pagamento da inscrições que a confirmação oficial da mesma se dará no ato da divulgação das inscrições deferidas.

A Comissão Organizadora adverte aos candidatos que quaisquer dúvidas referentes ao concurso poderão ser esclarecidas pelos canais de atendimento de comunicação abaixo:

E-mail oficial: [email protected]

Telefone: (86) 3025-1017

Informações de Daniel Matos

Flávio Dino inicia campanha com ato político em Raposa

Milhares de pessoas acompanharam o governador Flávio Dino na caminhada que abriu a campanha nas ruas pela reeleição, na noite desta quinta-feira (16), na Raposa. As bandeiras, camisetas e adereços foram usadas nas ruas com o número 65, que é o de Flávio nas urnas.

O ato foi embalado pelo Passinho do 65, o hit que tomou conta da campanha vitoriosa de 2014. Os candidatos ao Senado Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS) também participaram do evento.

Flávio Dino foi recebido e conversou com os maranhenses, que explicaram as razões de votar novamente nele para governador. “Voto nele para fazer a continuação do belo trabalho que ele está fazendo. Por isso é Flávio Dino de novo”, disse Francineide Santos, uma das mais empolgadas.

Ao falar para os milhares de pessoas presentes, Flávio pediu que “todo o povo do Maranhão ouça a nossa voz neste momento, como uma voz de esperança e uma voz de gratidão”.

“É 65: este é o número dos que querem que o Maranhão ande pra frente. Que Deus acompanhe a nossa campanha até a vitória no dia 7 de outubro”, acrescentou.

Ao falar sobre os avanços vividos pelo Maranhão desde 2015, Flávio ressaltou que tudo foi feito apesar da grave crise nacional. “Peguei um tempo difícil, mas não me queixo, porque Deus dá a carga de acordo com a nossa capacidade de levar adiante. Ele sabia o que fazia, porque me deu essa conjuntura difícil para dizer ao povo hoje que quem navegou na tempestade e sobreviveu está apto a navegar em mares calmos e fazer mais em favor da população.”

Assessoria de campanha de Flávio Dino

Edilázio vistoria obras ao lado de prefeita em Raposa

edilázio rapos 1O deputado estadual Edilázio Júnior (PV), primeiro secretário da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, vistoriou no último domingo, obras de infraestrutura realizadas no município de Raposa. Ele acompanhou a prefeita Talita Laci (PCdoB), que começa a reorganizar a administração pública.

Foram vistorias duas obras naquele município. A primeira diz respeito à pavimentação de ruas em quatro bairros de Raposa e a segunda é referente a uma reforma na Praça do Viva Raposa. Os serviços são realizados em parceria com o Governo do Estado.

edilázio raposa 2Os bairros que recebem pavimentação são Juçara, Boa Esperança, Jardim das Oliveiras e Vila Maresia. Ao todo, são 3.750 m² de asfalto. “É um investimento que trará inúmeros benefícios à população de Raposa. Acessibilidade, trafegabilidade melhorada, segurança no trânsito e bem estar. Talita, sem dúvida, tem iniciado uma administração com muita competência”, afirmou o parlamentar.

Talita Laci assumiu a Prefeitura de Raposa em definitivo no início deste ano, após a cassação pela Justiça Eleitoral, do então prefeito Clodomir de Oliveira.

Na vistoria das obras, que ocorreu no fim de semana, além do deputado Edilázio Júnior, estavam presentes o secretário de Infraestrutura do Governo, Clayton Noleto, o secretário adjunto Ednaldo Neves, vereadores e líderes comunitários.

Crianças de 4 e 5 anos sobrevivem em mangue após passarem noite em cima de uma árvore

 

Pablo Gabriel de Jesus e Yuri Gatinho com nos braços das mães

Saulo Maclean

Da editoria de Polícia

 Duas crianças passaram quase 24 horas desaparecidas, dentro de uma área de mangue, no município de Raposa (área metropolitana de São Luís). Pablo Gabriel de Jesus Santana, de 5 anos, e Yuri Gatinho, de 4 anos, segundo informações de familiares, brincavam no terraço da casa 151 da Rua da Alegria, bairro Vila Bom Viver, naquela cidade quando ocorreu o sumiço. A mãe de Pablo Gabriel disse que os dois deixaram o local por volta das 15h de domingo. Eles só foram localizados às 14h de ontem.

População procurou pelas crianças durante o último domingo

foto de Biné Morais -}

Desesperados, parentes e amigos resolveram iniciar as buscas por conta própria. A procura pelas crianças entrou pela noite. Dezenas de voluntários se equiparam de lanternas, refletores à base de baterias portáteis para tentar localizar as vítimas no manguezal. A Polícia Militar passou a participar das buscas no momento em que foram encontradas pequenas pegadas que seguiam em direção ao mar. Ontem pela manhã, o Grupo Tático Aéreo (GTA) e o Corpo de Bombeiros também ajudaram.

   Pablo Gabriel e Yuri Gatinho foram encontrados por um pescador, em uma localidade conhecida como Porto do Meio, próximo à Ilha de Taputiua. Leila de Jesus Santana, de 24 anos (mãe de Pablo), contou que eles dormiram em cima da raiz de uma árvore alta por causa da maré cheia, e só foram encontrados depois que o menino mais novo chorou ao ver o colega desmaiado. “O pescador ouviu o choro e, como já sabia do sumiço das crianças, conseguiu chegar até eles”, contou Leila Santana, emocionada.

Atendimento – Após serem localizados, os meninos foram levados para o Hospital Materno Infantil de Raposa, onde foram submetidos a vários exames. Após a avaliação médica, Pablo e Yuri foram devolvidos às respectivas famílias, apenas com alguns arranhões e picadas de insetos. Passado o susto, os meninos contaram aos pais que decidiram seguir rumo ao mangue a pedido de Pablo Gabriel. Ele teria sentido vontade de repetir um passeio feito há alguns meses com a mãe, naquela mesma área.

“Há três meses, levei meu filho para banhar na Praia de Taputiua. Lembro que naquela data ele gostou muito do lugar e pediu que eu o levasse outras vezes. Ele me disse que teve a idéia e resolveu convidar o coleguinha para conhecer a praia. Como nós tínhamos ido a pé, ele decorou o caminho, porém, quando já estava bem perto, tomou um rumo diferente, e os dois se perderam. Eles não comeram nada enquanto estiveram fora, mas graças a Deus estão bem”, acrescentou aliviada a mãe de Pablo Gabriel.