Novela TCE só no início

arnaldo e luizO presidente da Assembleia Legislativa deputado Arnaldo Melo (PMDB), frustrou as pretensões dos principais concorrentes à vaga de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e adiou o início do processo. Apesar de não ter garantido a data para a eleição direta de novo conselheiro, sabe-se que a eleição direta ocorrerá somente após o PED do PT.

Isso para garantir tempo para que o vice-governador Washington Luiz (PT) pense a respeito e decida ou não ser candidato. Até o momento, Washington tem garantido a aliados e à imprensa que não tem interesse na vaga.

Quem não deve ter gostado muito do adiamento foram os deputados Max Barros (PMDB), Rogério Cafeteira (PSC) e César Pires (DEM), pré-candidatos ao posto. Eles sabem da intenção de membros do governo de concederem a vaga a Washington, apesar disso, mantém discurso de grupo, e rechaçam qualquer tipo de crise.

A novela TCE, por tanto, está apenas começando…

5 pensou em “Novela TCE só no início

  1. Washington Macaxeira, deveria honrar as calças que veste e dar logo uma resposta para Roseana e dizer que não aceita esta proposta indecente, o que ele quer mesmo é ser governador de fato e de direito. Trata-se na verdade de uma falta de respeito e consideração de Roseana para com ele Macaxeira, tratando como uma criança, “qq coisa serve”, engano. macaxeira tm mais a ganhar como governador do que o TCE. Que [moderado] se exploda com seus plano sem contar com Macaxeira, se ela ficar até o fim está encerrada sua carreira e ninguém perde nada…

    • Disse certa feita o ex-deputado Ulysses Guimarães: “A censura é a inimiga feroz da verdade. É o horror à inteligência, à pesquisa, ao debate, ao diálogo. Decreta a revogação do dogma da falibilidade humana e proclama os proprietários da verdade”.
      A censura ou moderação, tanto faz é a mesma coisa…

      • Não há censura, há responsabilidade. Infelizmente, nem todo conteúdo de um comentário pode ser liberado, sem que haja a moderação, uma vez que o titular da página é quem responde judicialmente por isso. A não ser que o autor do comentário repasse todos os seus dados e se manifeste à Justiça assumindo a autoria do texto, o que sem dúvida, jamais irá ocorrer…

        • Acontece meu caro Ronaldo, sem querer ofender-lo vocês vive cercados de normas, um adjetivo a mais ou a menos é temerosos para quem é empregado, na verdade vocês tem medo do que possa ofender seus empregadores. É como diz aquele ditado: Quem aluga o seu, não pode dizer nada. Todo jornalista tem seu sonho, possuir um jornal que possa dizer o que quiser e editar qq comentário, felizmente são poucos aqui na terrinha…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *