Maranhão deu a maior votação proporcional a Dilma Rousseff

Roseana foi quem protagonizou a agenda da campanha de Dilma no estado

Roseana foi quem protagonizou a agenda da campanha de Dilma no estado

O Maranhão deu a maior votação proporcional à presidente Dilma Rousseff (PT) em todo o Brasil. Mais de 78% dos maranhenses votaram na petista. Em números reais, 2,4 milhões de votos para a presidente. O seu adversário, Aécio Neves (PSDB), teve pouco mais de 21%, pouco mais de 660 mil.

A presidente Dilma Rousseff ganhou em todos os municípios maranhenses. Ela conseguiu 2.467.908 votos, que representam 78,76%. No primeiro turno, a petista havia sido votada por 69,59% dos eleitores maranhenses. Aécio Neves quase dobrou sua votação no estado. No primeiro turno ele obteve pouco mais de 11%. Já no segundo, o tucano conseguiu aumentar sua votação, chegando a 21,25%.

Em Imperatriz, segundo maior colégio eleitoral do estado e considerada a cidade maranhense que tem maior oposição ao governo do PT, a presidente obteve mais de 60%. No primeiro turno, Imperatriz foi a cidade em que a petista teve menor votação, com pouco mais de 43%. Aécio Neves conseguiu pouco mais de 39% dos votos. No primeiro turno, o tucano teve pouco mais de 26%.

O município de Belágua mais uma vez se destacou na eleição com a maior votação para Dilma Rousseff: 93,93% dos votos válidos. O tucano Aécio Neves foi votado somente por 6,07% dos eleitores da cidade.

A abstenção no Maranhão aumentou em relação ao primeiro turno, quando 23% dos eleitores deixaram de votar. Neste segundo turno foram mais de 27% (1.228.838) o percentual de eleitores que não compareceram às urnas. São cerca de quatro pontos percentuais a mais que o registrado no primeiro turno.

De O Estado, com reportagem de Carla Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *