PSB na berlinda

O deputado estadual Bira do Pindaré está mesmo disposto a provocar o senador Roberto Rocha a se decidir sobre o futuro do PSB. Recém-alçado ao comando do partido, em substituição ao filho de Rocha, o ex-vereador homônimo – embora não se tenha informação oficial dessa mudança -, Bira já convocou um congresso da legenda, para, entre outras coisas, discutir o processo eleitoral de 2018.

O deputado socialista é aliado histórico do governador Flávio Dino (PCdoB) e não esconde que quer o PSB no projeto de esquerda do comunista nas eleições do ano que vem. Para isso, conta com o apoio de outros deputados socialistas, como o líder governista Rogério Cafeteira e o presidente estadual da legenda, prefeito de Timon Luciano Leitoa.

A ascensão de Bira é também uma resposta do partido à postura distante que Roberto Rocha adota em relação à legenda. Historicamente vinculado ao PSDB, o senador nunca se envolveu organicamente com o PSB. Tanto que a sua principal aliada na Assembleia, deputada Graça Paz, permanece filiada ao PSL.

No Senado, apesar da decisão socialista de ficar contra o governo Michel Temer (PMDB), Rocha permanece alinhado ao governo peemedebista. Mas, de qualquer forma, o senador maranhense já se mostrou interessado em disputar o Governo do Estado. E qualquer partido sonha em ter uma candidatura competitiva.

Por essas e outras, o congresso partidário convocado por Bira para o dia 19 tem tudo para se transformar em um forte motivo para debates no PSB.

Da coluna Estado Maior, de O Estado do Maranhão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *