São Luís sofre com falta de infraestrutura e precariedade em serviços básicos

Imagem meramente ilustrativa / trecho sempre fica alagado co chuvas, no Renascença

Ruas e avenidas esburacadas, crianças fora da sala de aula por falta de oferta de vagas na rede pública municipal, precariedade em serviços de saúde – com superlotação dos Socorrões [Hospital Municipal Clementino Moura e Hospital Municipal Djalma Marques] -, falta de medicamentos nas Unidades Mistas, aumento da passagem de ônibus e ausência do Poder Público em diversos outros seguimentos.

É esse o retrato da administração Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que exerce o seu segundo mandato à frente do Executivo Municipal.

O prefeito, que sustenta uma ficção de “boa gestão” criada por satélites da imprensa em torno da tal “Feirinha”, sequer aparace é visto pela população.

Aliás, a tal da “Feirinha” parece ser a única marca da gestão pedetista.

Cria-se um ambiente de festa e pronto, está tudo resolvido.

Não há qualquer programa social, empreendimento ou ação de governo que mude a realidade da população.

Não há consistência em nenhuma das decisões já tomadas pelo prefeito, que segue a risca o que dita o governador Flávio Dino e que construiu todo um mandato sem uma identidade própria.

Edivaldo fracassou…

1 pensou em “São Luís sofre com falta de infraestrutura e precariedade em serviços básicos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *