Flávio Dino anuncia Rubens Júnior na Secid; Gastão assume vaga na Câmara Federal

O governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou na madrugada de hoje mais uma mudança no primeiro escalão do Governo do Estado.

Trata-se do deputado federal Rubens Júnior (PCdoB) no comando da Secretaria de Estado de Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid).

Ele também confirmou Simplício Araújo na permanência da Secretaria de Estado de Indústria e Comércio.

Com isso, o suplente de deputado, Gastão Vieira (PROS), nascido e criado no grupo Sarney, assume uma vaga na Câmara Federal. Ele integrará a base do comunista no Congresso Nacional.

Que coisa, não…

“Eventos que surgem de dentro para fora”, diz Gastão Vieira após atos de Sarney Filho e Weverton Rocha

O ex-ministro do Turismo e ex-deputado federal Gastão Vieira, hoje no comando do Pros no Maranhão, criticou o lançamento de pré-candidaturas ao Senado da República no Maranhão, dois dias depois do ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), ter sido lançado oficialmente à disputa de 2018  e do deputado federal Weverton Rocha (PDT) ter promovido ato em Balsas.

Para Gastão, o coquetel realizado pelos amigos do ministro e o ato do pedetista são tipos de eventos que surgem de “dentro para fora”, organizados pelas próprias assessorias.

“Podemos comparar os resultados dos eventos com PIB brasileiro: ‘os sinais vitais estão presentes, mas nada assegura um crescimento sustentável ‘.”, comentou.

“Por outro lado, olhando as fotos dos eventos encontramos quase sempre as mesmas figuras que fomos encontrando ao longo da nossa vida política….Entusiasmados no lançamento, sumidos na campanha e , ainda, quase sempre, falando mal dos candidatos, de promessas não cumpridas…Outros, de olho no acervo eleitoral a ser deixado pelos que optaram por uma eleição majoritária. Não acredito, neste momento, no sucesso neste tipo de ação política”, completou.

Gastão Vieira depois de já ter admitido abrir mão da candidatura ao Senado em virtude de o comando nacional do Pros ter pedido para que ele busque a Câmara Federal – para que a sigla aumente a sua representação na Casa, a partir de 2018 -, agora se coloca como pré-candidato a uma das duas vagas que serão abertas no Maranhão, com o fim dos mandatos dos senadores João Alberto e Edison Lobão, ambos do PMDB.

Por isso a crítica aos pré-candidatos adversários…

“Quem ajuda ele [Flávio Dino] sou eu”, diz Gastão Vieira

Ex-deputado Gastão Vieira

Ex-deputado Gastão Vieira

O ex-ministro do Turismo, Gastão Vieira (PROS), presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) no Governo Federal, criticou as investidas dos senadores Roberto Rocha (PSB), João Alberto (PMDB) e Edison Lobão (PMDB) pelo comando da autarquia.

Em pronunciamento no fim de semana no povoado Belo Monte, em Colinas, ele afirmou que a bancada maranhense no Senado não vai conseguir o derrubar.

Durante o discurso, ele criticou a postura de Roberto Rocha, eleitor na chapa de Flávio Dino (PCdoB) em 2014, e assegurou que é ele, e não o socialista, quem ajuda o governador do Maranhão.

“O que eu lamento é que, depois de uma eleição para o Senado, em que eu não ataquei ninguém, perdi a eleição por menos de 150 mil votos, porque o Flávio [Dino] vendeu a ideia de que ele precisava de um senador de oposição e que ajudasse ele. O senador dele, de oposição, hoje vota com o governo [Michel Temer] e quem ajuda ele [Flávio Dino] sou eu, que trouxe 64 ônibus para o Governo do Estado”, alfinetou.

Segundo ele, os representantes do Maranhão no Senado queriam que se “escondesse os ônibus e não distribuísse, porque o governador era Flávio Dino”.

“E é por isso que, lamentavelmente, os três senadores do Maranhão, seu Roberto Rocha, seu João Alberto e seu Edison Lobão vão para o gabinete do presidente: ‘Olha aqui, presidente, o Gastão com Flávio. O senhor tem que demitir ele daí’”, alegou.

Leia mais sobre o tema aqui

Alexandre Almeida mobiliza 50 mil em ato de campanha em Timon

alexandre-campanha-2Uma das maiores caminhadas políticas de Timon foi realizada na tarde e início de noite deste domingo (18). Alexandre Almeida (PSD), da coligação Unidos Somos mais Fortes, mobilizou mais de 50 mil pessoas em caminhada pela libertação. Além do vice na chapa, Ulisses Waquim, também estiveram presentes o presidente estadual do PSD, Cláudio Trinchão, o presidente estadual do PROS, Gastão Vieira e outros aliados de campanha.

No ato, a população deu o recado e mostrou que Alexandre é a melhor opção para a Prefeitura nos próximos quatro anos. A concentração do ato ocorreu na Zona Norte, no bairro Formosa e passou por diversos bairros até o Parque do São Francisco. Mostrando vitalidade e confiança, Alexandre Almeida percorreu os oito quilômetros do percurso a pé, cumprimentou eleitores, tirou selfies e pediu o voto daqueles eleitores que ainda diziam estar indecisos.

alexandre-campanhaAo final do percurso, todas as pessoas se reuniram na rua 108, do Parque São Francisco e, demonstrando emoção, Alexandre discursou e destacou o sentimento expresso pelo povo livre de Timon. “Quero agradecer toda a população que de livre e espontânea vontade veio até aqui e demonstrou o sentimento de que quer uma Timon livre. Este também é o meu sentimento e, a cada dia, tenho mais certeza da nossa vitória, que será a vitória do povo de Timon”, disse sendo saudado em seguida.

Ele também fez um convite a todos para que votem no dia 2 de outubro no “melhor projeto para a cidade”. “ Temos um plano de governo audacioso, e que eu sei que posso fazê-lo, cumpri-lo. Por isso, peço uma demonstração de confiança. Um voto no dia das eleições para que possamos transformar aquilo que queremos e que desejamos para nossa querida Timon em realidade. Um voto no 55”, afirmou.

Alexandre Almeida ressaltou que, até o dia 25 deste mês, faltando poucos dias para o encerramento da campanha, deverá fazer ato semelhante ao registrado neste domingo (18) na Zona Sul. O candidato, a cada debate e inserção no rádio, TV e nas redes sociais, reforça a tese de ser o mais bem preparado para a cidade, tendo propostas para todos os setores.

Ele garantiu, como parlamentar, entre outras ações, o sistema de videomonitoramento, a primeira escola de música do município e a promoção de eventos esportivos para o desenvolvimento dos ideais de cidadania. Assim que for prefeito, Alexandre deverá executar o projeto Vale Futuro (de apoio à formação profissional dos mais jovens) e construir um hospital materno-infantil. “ Nossa Timon será diferente. Acredite. Você fará parte desta transformação”, finalizou Alexandre.

Gastão Vieira é nomeado presidente do FNDE

Gastão VieiraO ex-ministro do Turismo, Gastão Vieira (PROS) retorna ao governo Dilma Rousseff para presidir o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia federal responsável pela execução de políticas educacionais do Ministério da Educação (MEC).
Gastão Vieira assume o FNDE no lugar de Idilvan Alencar, que era indicação do ex-ministro da Educação, Cid Gomes. A nomeação foi publicada na edição desta quarta-feira no Diário Oficial da União.

O ex-ministro já havia sido sondado para ocupar a presidência do FNDE no inicio de 2015, mas após deixar o PMDB para se filiar no PROS, Gastão Vieira assumiu autarquia.

A ida de Gastão Vieira para a presidência do FNDE não envolve nenhum tipo de acordo com PROS, mas ocorreu por conta da capacidade técnica do maranhense que presidiu a Comissão de Educação e Cultura da Câmara e foi secretário estadual de Educação.

Parceria – Para alcançar a melhoria e garantir uma educação de qualidade a todos, em especial a educação básica da rede pública, Gastão Vieira disse que o FNDE deve ser parceiro dos estados e municípios brasileiros.

Além de inovar o modelo de compras governamentais, os diversos projetos e programas em execução – Alimentação Escolar, Livro Didático, Dinheiro Direto na Escola, Biblioteca da Escola, Transporte do Escolar, Caminho da Escola, Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil – fazem do FNDE uma instituição de referência na Educação Brasileira.

Gastão Vieira elogia iniciativa de Zé Reinaldo e diz esperar pelo “pacto”

gastão ze reinaldoO ex-ministro do Turismo e ex-deputado federal Gastão Vieira (PROS) elogiou a iniciativa do deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) e se colocou à disposição do socialista, para participar da “caminhada” pelo Maranão.

Zé Reinaldo de manifestou por meio de um artigo, publicado ontem no Jornal Pequeno, onde pede a ajuda do ex-presidente da República, José Sarney (PMDB), para o desenvolvimento do Maranhão.

Gastão afirmou que já pensava nessa proposta de pacto: ”Já em janeiro, em entrevista ao jornal O Imparcial, eu chamava atenção para o fato de o governador Flávio Dino não ter uma proposta estruturante para o estado, e isso me deixava preocupado. Ao propor que, todos nós que temos uma contribuição a dar nos unamos no sentido de discutir os principais problemas do estado e medidas estruturantes de longo prazo para o desenvolvimento do Maranhão, parece muito oportuno e interessante”, disse.

Resta saber se o governador Flávio Dino, que até hoje não desceu do palanque político, acatará a proposta ou lançará fora o seu padrinho político.

Gastão Vieira critica artigo de Flávio Dino sobre educação

GastãoO ex-ministro do Turismo e ex-deputado federal Gastão Vieira (PROS) fez forte critica a um artigo do governador Flávio Dino (PCdoB) publicado no Jornal Pequeno, que trata da educação no estado.

“Nada a reparar e tudo para aplaudir se o Governador não repetisse exageros de retórica tão comuns no ex-presidente Lula – com bordão … ” nunca antes na história desse país “- também afirmasse ” que pela primeira vez na vida, alunos teriam acesso a fardamento ou calçado escolar, livro paradidático ou a uma simples caixa de lápis de cor…”.

Para Gastão exageros do governador comunista. “Se não tivesse sido Secretário de Educação do Maranhão e Presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, por duas vezes, me contentaria em ler mais um dos exageros cometidos pelos governantes negando o passado, mesmo o mais recente, e ficando com a total propriedade do que não iniciou, pensou ou começou!”, exortou.

Lei a íntegra da crítica acima.

Gastão Vieira formaliza convite a Luis Fernando para filliar-se ao PROS

Ex-deputado Gastão Vieira

Ex-deputado Gastão Vieira

O ex-ministro do Turismo e ex-deputado federal Gastão Vieira (PROS), formalizou ontem pedido ao ex-prefeito de São José de Ribamar e ex-secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Luis Fernando Silva (sem partido) para filiar-se ao seu partido político.

Gastão e Luis Fernando almoçaram juntos ontem em São Luís e conversaram sobre a atual conjuntura política para as eleições de 2016. Ambos optaram por deixar o PMDB, do senador Lobão Filho (PMDB), no início do ano. Luis Fernando está sem partido político.

A O Estado, Gastão Vieira afirmou que optou por procurar Luis Fernando, por considerá-lo um dos melhores quadros técnico e político no Maranhão. Ele disse que o saldo da conversa foi bastante positivo, ressaltou que mantém um bom relacionamento com o ex-prefeito e explicou que continuará em contato com o ex-correligionário.

“Eu e o Luis Fernando somos amigos de longas datas. Ele me recebeu muito bem e tivemos uma conversa bastante produtiva sobre política. Analisamos o atual cenário político, discutimos 2016 e lógico falamos de alguns projetos que temos em mente. Eu não deixaria, é lógico, de convidá-lo para o partido, para esse novo momento”, disse.

Gastão ressaltou, no entanto, que Luis Fernando deve definir o seu futuro político somente nos próximos meses. “Ele tem até setembro para tomar uma decisão a respeito, e pelo o que conversamos, deve esperar mesmo esse tempo. Não há nenhum tipo de constrangimento ou empecilho nisso. Luis Fernando terá muito tempo ainda para tomar a sua decisão”, completou.

Reorganização – O ex-ministro do Turismo assumiu a presidência do PROS na semana passada. Ele agora inicia um processo de reorganização do partido no Maranhão, para a disputa das eleições 2016.  O objetivo é fazer com que a legenda atue de forma decisiva no processo eleitoral.

“O que eu quero é um partido que funcione na sua essência, que discuta o país e o estado do Maranhão, que tenha uma militância forte, ativa, com propostas e ideias. Idealizo um partido com voz ativa, que transforme a nossa realidade. Para mim, esse deve ser o nosso foco”, finalizou.

No comando do PROS, Gastão Vieira tentará fortalecer projeto de candidatura para 2016

Gastão Vieira e Cid Gomes

Gastão Vieira e Cid Gomes em Brasília

O ex-deputado federal Gastão Vieira conseguiu assegurar, por meio de uma articulação em Brasília, o comando do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) no Maranhão.

Gastão foi elevado à presidência da legenda pelo ministro da Educação Cid Gomes, que comanda o partido no âmbito nacional.

Ex-membro do PMDB, Gastão Vieira agora trabalhará para consolidar sua candidatura a prefeito de São Luís na eleição de 2016.

Ele deve começar nos próximos dias uma série de conversas com outros partidos políticos para articular uma chapa majoritária.