Tadeu Palácio em defesa dos atos pró-Bolsonaro

O ex-prefeito de São Luís, Tadeu Palácio [sem partido], saiu em defesa dos atos públicos realizados ontem, em todo o país, em apoio às medidas do governo Jair Bolsonaro (PSL).

A manifestação de Palácio ocorreu em seu perfil, em rede social. Para ele, os atos pró-Bolsonaro ocorrem como “reafirmação de propósito”.

“Um dia de reafirmação de propósito. O país insatisfeito, desejoso de mudanças, elegeu o presidente que se identificava com as transformações pretendidas”, declarou.

“Os brasileiros de verdade não permitirão que o antagonismo nos façam mudar de rumo. Queremos um Brasil justo, progressista, honesto e já estamos com o nosso presidente Bolsonaro, rumando nesta direção”, finalizou.

Tadeu é pré-candidato a prefeito da capital.

Com informações do blog de Gilberto Léda

Tadeu Palácio deixa governo Roseana e PMDB

O ex-prefeito de São Luís, Tadeu Palácio, deixou hoje a Secretaria de Estado do Turismo, do governo Roseana Sarney. Ele estava descontente com o apoio da governadora à Max Barros para as eleições de 2012. Palácio também protocolou sua desfiliação do PMDB, onde estava sem espaço para a disputa eleitoral á Prefeitura. A informação foi postada no imirante.com, pela jornalista Roberta Gomes.

Tadeu Palácio disse que não vai comentar a decisão e que não emitirá nota oficial sobre a sua postura. Insatisfeito, ele tenta apoio nos bastidores para lançar seu nome a candidatura. Algo que não será fácil, uma vez que até o presidente do partido o qual ele visa PSL (Partido Social Liberal), o vereador Chico Carvalho, já declarou apoio a Max Barros.

Analistas políticos do Maranhão revelaram que Tadeu tem como aliados o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Isaias Pereirinha e o ex-secretário de Trânsito de seu governo, Canidé Barros.

O PMDB, partido em que Tadeu pertencia até a manhã de hoje, deve oficializar esta semana convite ao deputado estadual Max Barros (DEM) para representar o grupo nas eleições da capital maranhense.